Ideias para pensar o enquadre com pacientes-limite

por Camila Junqueira* “Muitos anos depois de ter interrompido sua análise, ainda encontro Janaina nas ruas dobairro em que, coincidentemente, moramos. E mais uma vez ela me pergunta: ‘e osbebês, Camila? Quando vai ter bebês? Você precisa ter bebês!’ diz ela. Um, dois…cinco, vários encontros e são sempre essas as suas falas quando me vê, […]

Relatos de uma iniciante na prática do Acompanhamento Terapêutico

por Roberta Veloso de Matos* No primeiro encontro com Marlene, como iniciante na prática do AT[1] (Acompanhamento Terapêutico), choro diante da sua fala da dificuldade de estar com sua família. Marlene traz junto de si, como diz Drummond, “ombros que suportam o mundo” junto a uma fragilidade que parecia que o vento daquela tarde fria […]